quarta-feira, 28 de novembro de 2012

E o maravilhoso leite de burra português

Eu sou fã e uso sempre!


Cada vez mais estudos reconhecem as propriedades cosméticas do leite de burra e a indústria da beleza segue-lhes os passos na procura dos melhores ingredientes. Em Portugal, empresas como a Naturasin vivem da sua produção e até marcas de prestígio internacional como a Ach Brito tiram o melhor partido das suas propriedades. Afinal, o ritual de beleza de Cleópatra não é apenas um mito.
Desde Cleópatra, Rainha do antigo Egipto, a Pompeia, mulher do imperador Nero, até Pauline, irmã de Napoleão, que a história da utilização do leite de burra está envolta em promessas de beleza. A investigação científica tem vindo a verificar a verdade para além da  lenda. Nunca saberemos se estas mulheres realmente se banhavam em leite de burra ou que benefícios lhes trouxe, mas vários estudos apontam para os benefícios deste ingrediente. Rico em cálcio, ferro, sódio e zinco, o leite de burra é 60 vezes mais rico que o leite de vaca nas vitaminas A, C, D e E, das mais procuradas em produtos de beleza pelo seu potencial antioxidante. Estes componentes, quando combinados com as proteínas e ácidos gordos do leite de burra, estimulam a produção de colagénio, a substância responsável pela ligação intracelular da pele humana.
No estudo “Papel das proteínas na cosmética”, publicado na revista Clinics in Dermatology, em 2008, o autor, Gianfranco Secchi, atesta a capacidade das proteínas de interagir nos níveis de hidratação, firmeza, suavidade e elasticidade da pele. Já a vitamina A intervém na sua regeneração, enquanto as vitaminas F e Complexo B ajudam à renovação cutânea. Anti-rugas natural, as vitaminas C e E desempenham um importante papel antioxidante que retarda o processo de envelhecimento da pele, acelerando os mecanismos de cicatrização e estabilizando a estrutura celular. No seu conjunto, este cocktailvitamínico proporciona um efeito tensor e colabora na hidratação celular ao formar uma película elástica contínua na superfície da pele, provocando um alisamento cutâneo.
Em Portugal, a aplicação do leite de burra em produtos de dermocosmética encontra-se na forma de sabonetes, cremes de corpo e de rosto. Mónica Vieito, do departamento de comunicação da Ach Brito, empresa portuguesa de sabonetes de luxo, corrobora esta tendência. "É de facto um produto fantástico. Percebemos que havia uma lacuna no mercado e respondemos à procura", afirma Mónica Vieito. Em 2007, através de uma das suas marcas, a Confiança, a Ach Brito lançou uma colecção de quatro sabonetes  um deles com leite de burra, “devido às inúmeras propriedades que lhe são reconhecidas, que contribuem para o melhoramento do aspecto e toque da pele”. 
Fonte: Publico
E é baratinho.
Beijos da Alex:)